Coroatá

Cassação do Prefeito de Coroatá é assunto na cidade

Quinta-Feira, 09/08/2018 , 18:18 - Atualizado em 09/08/2018, 22:58 | Ver comentário(s)

A juíza eleitoral de Coroatá (MA), Anelise Nogueira Reginato, determinou a inelegibilidade por oito anos do governador do Maranhão e candidato à reeleição, Flávio Dino (PCdoB), por suposto abuso do poder econômico nas eleições municipais de 2016. A decisão é de primeira instância e passível de recurso ao Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão e outras instâncias.

Dino foi acusado de usar o programa de asfaltamento de ruas do governo estadual para beneficiar o candidato Luís da Amovelar Filho (PT) nas eleições para a prefeitura de Coroatá, em 2016, contra Teresa Murad (MDB). Teresa é mulher do ex-deputado Ricardo Murad e cunhado da ex-governadora Roseana Sarney.

Abaixo nota divulgada pela Prefeitura Municipal de Coroatá.

NOTA

O Município de Coroatá-MA, por meio do Gabinete do Prefeito, vem informar a toda sociedade coroataenseque em razão a respeitável sentença do juízo da 8ª zona eleitoral, os advogados do prefeito Luís Mendes Ferreira Filho, vem tomando todas as medidas judiciais cabíveispor meio de oportuno recurso ao Tribunal Regional Eleitoral – TRE-MA, a fim de reverter a decisão de primeiro grau.

Aproveitamos a oportunidade para comunicar que os serviços públicos municipais estão funcionando dentro da normalidade e continuarão a servir a toda população coroataense, que depositou no Prefeito, através das urnas, a confiança de proporcionar a todos uma sociedade justa e igualitária de modo a fazer valer a democracia e o Estado de Direito.

Prefeitura Municipal de Coroatá-MA

canal-youtube

 

Comentário


Mais Notícias


Coroatá

Grave acidente envolvendo duas motocicletas é registrado em Coroatá


Coroatá

Lideranças Políticas de Coroatá são recepcionadas em retiros espirituais neste período de carnaval.


Coroatá

Homem é preso e arma de fogo é apreendida após tentativa de assalto em Coroatá



Enquete


O que achou do nosso site?

© Copyright 2019 | Coroatá News - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por: